Dissonantes

Eles não usam a dissonância em sua música. São mais diretos. Rock-and-roll com inspiração que vai do blues ao new wave, passando pelos anos 1960 e os tempos do iê-iê-iê. Eles são os Dissonantes e foram eleitos como a banda que teve o melhor trabalho no Paraná em 2008. Foi o ano em que a banda, já com sete anos de estrada, lançou o disco Cassino, disponível para ser ouvido pelo MySpace (www.myspace.com/dissonantes), no qual também se pode ver o videoclipe da música “Rock Demodê”, e pelo site da Trama Virtual (http://tramavirtual.uol.com.br/artista.jsp?id=588), do qual também se pode baixar as músicas do disco.
Antes, a banda já havia lançado o EP Amor Retrô, de 2005, incorporado neste Cassino, que teve uma boa força na produção dada por Emanuel Moon, o baterista da Relespública. O disco, de 12 faixas, é bastante roqueiro, dançante, com letras despretensiosas, algumas hilárias, como “Casa de Molly” – um conhecido local de encontros casuais de Curitiba. Molly era a senhoria da casa, com passagens pelos cadernos sociais e policiais dos jornais da cidade, a quem, na letra, um rapaz afirma, depois de assumir que não sabe conquistar e renegar a cafonice do amor: “Ela vai me ensinar”.
A eleição foi feita em três etapas aqui neste espaço e no blog Sobretudo. Na primeira etapa, os leitores citaram vários músicos e grupos paranaenses, sem lista prévia, ou seja, podiam escolher quem quisessem. Os que tiveram mais de uma referência, foram para a segunda fase. Na terceira e final, restaram as cinco bandas classificadas. A Dissonantes ficou em primeiro, estourado, com 65% da preferência (1.011 votos). Em segundo lugar, veio a banda Lívia e os Piá de Prédio, com 18% (281); em terceiro, ficou a Telesônica (9% – 147 votos); em quarto a Nuvens (6% – 88) e em quinto a Copacabana Club (2% – 30).
Dissonantes: rock-and-roll com inspiração que vai do blues ao new wave,formada por Raphael Machado (baixo/ voz), Allan Roberto (voz/ teclado), Thiago Rosiak (guitarra/ voz) e Bruno Zotto (bateria).